Como saber se estou fazendo a coisa certa

boho_bike

Você está fazendo tudo conforme o plano. Terminou o Ensino Médio, passou no vestibular, está indo bem na faculdade e daqui a pouco aparece um estágio bacana. Mas, mesmo assim, você ainda se pega virando de um lado e pro outro na cama, perguntando: será que tô fazendo a coisa certa? Será que é isso que eu quero para minha vida?

Todo mundo tem medo de dar errado. Olhar para trás e se arrepender das escolhas, da faculdade, do emprego, de não ter aceitado aquele pedido de namoro. Isso é normal, não se sinta a pior pessoa do mundo por isso.

Aliás, esses foram alguns dos motivos de eu ter trancado a minha faculdade por um ano. As coisas não estavam batendo. Então, acredita em mim, sei BEM como é sentir que está indo pelo caminho “certo” mas se sentir inseguro quanto ao futuro.

Sabe o que (funcionou para mim) resolve a maioria dos casos? Fechar os olhos e pensar como você se imagina daqui a cinco anos. Sério! Seja o mais detalhista possível:

Onde vai estar morando, como vai se vestir, o quê vai ouvir, quando deve estar ganhando, os lugares para o qual vai viajar, qual vai ser seu prato predileto, se vai estar casada/solteira/namorando/junto, se vai ter filhos, o quê vai gostar de ler, com o quê deve estar trabalhando, qual vai ser o seu carro (se você tiver um)…

Monte uma história na sua cabeça. Depois, se preferir, coloque no papel – eu adoro essa opção, já que depois você vai ter muito mais tempo para analisar. Agora que já sabe o que espera, veja se suas ações no presente condizem com esse futuro. Será que o emprego que vai conseguir com esse curso vai te permitir viajar para fora duas vezes ao ano? E o modo como você vem tratando seu corpo, acha que vai estar apta para viver o estilo de vida planejado?

Comece a pensar: o que preciso fazer agora para tornar real a vida que planejo ter daqui há cinco anos? Pensou? Agora é hora de comparar a lista do que precisa ser feito com o seu atual comportamento. Sua faculdade, modo de encarar a vida/relacionamentos, como trata seu corpo e até como lida com grana. 

Feito? Dá um baque, né? A gente tem uma real noção de para onde está levando a nossa vida. Depois disso tudo, não tem mistério. É adequar o seu presente com o que deseja para o seu futuro. Talvez precise abrir mão de algumas coisas, adiar outras, desacelerar em certas áreas.

Não é fácil, de verdade, mas vale MUITO a pena. Encostar a cabeça no travesseiro e ter certeza de que está no caminho para viver a vida dos seus sonhos, não tem preço.

E aí, como você se imagina daqui cinco anos? Me conta, bora bater papo!

  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus
  • Blogger
  • Tumblr
  • Pinterest
  • Orkut
  • Reddit
  • Delicious
  • LinkedIn
  • Add to favorites
  • PDF
  • Print
  • Email
  • RSS

A Ana foi morar sozinha em outro estado para correr atrás do seu maior sonho: ser atriz

Histórias me inspiram. Ainda mais histórias de meninas “normais” que conseguiram vencer seus medos, dificuldades e dúvidas para realizar um grande sonho. É tão maravilhoso saber que é possível, sim!

Um dos principais objetivos do Quintal é te inspirar a viver a vida dos seus sonhos, te fazer perceber o quanto é capaz de conseguir o que quiser. Dito isso, quero dizer que hoje, enfim, inauguramos uma coluna que há muito tempo venho querendo começar aqui, a Conte uma História (C1H). Nela vocês vão descobrir histórias de meninas que são iguaizinhas a você e que conseguiram realizar um grande sonho. O que elas passaram, como conseguiram conquistar, os medos, as dicas… Tudo para te inspirar e mostrar o quanto você também é capaz de realizar o SEU sonho.

E, para estreiar o C1H, chamei uma super amiga dos tempos de Galera Capricho, a Ana Finkler! Linda, maravilhosa, topou na hora. Espero que a história dela te inspire e mostre que, mesmo com as pessoas duvidando do seu sonho, é possível vencer e viver a vida que sempre sonhou em ter.

ana+finkler

Não me lembro de querer outra coisa da minha vida que não envolvesse arte. Mas a certeza veio mesmo aos doze anos quando participei do meu primeiro workshop. Lembro de pensar: é isso que quero fazer pro resto da minha vida!

Fui crescendo e também fiz vários trabalhos como modelo, o que me ajudou demais já que, por serem carreiras próximas, me fez perder a timidez e  lidar melhor com o meu corpo – o que  ajudou muito no teatro.

Há uns três anos, viajei para São Paulo – antes eu morava em Cascavel, no Paraná – e visitei o shopping onde ficava a Escola [de Atores Wolf Maya], foi lá que tive meu primeiro contato. Fiquei encantada, queria muito fazer! Quando abriu no Rio eu pirei, já coloquei na cabeça que precisava entrar! Mas também rolou um pouquinho de medo, já que algumas conhecidas minhas tinham feito o teste e não tinham passado nem da seletiva, menos de 40% das pessoas passam. O teste é MUITO difícil, ele é dividido em várias etapas e você precisa ter domínio de improvisação e TV.

Nessa época, eu ainda estava no Ensino Médio e estudava numa escola voltada para alunos que estão se preparando para o vestibular, imaginem o que eu passava quando falava que NÃO iria fazer vestibular porque queria ser atriz? Tive que ouvir muita coisa do tipo “está na hora de você crescer e parar com esse sonho infantil”, ou “você nunca vai ser levada a sério” e acreditem isso não veio dos alunos! Isso é muito triste, na maioria dos colégios você não tem espaço se não quer fazer Engenharia ou Medicina.

Mesmo tendo amigas maravilhosas, ir para o colégio me fazia muito mal, era a coisa que eu mais odiava no mundo. Não aguentei e mudei de escola, passei a estudar de noite, o que foi muito bom para mim, já que sou uma pessoa mais noturna. Terminar o colegial foi o maior alívio da minha vida, mas foi uma etapa necessária.

ana+finkler

Sempre comentei com a minha família que iria me mudar para o Rio quando terminasse o Ensino Médio. No começo todo mundo levou como uma daquelas coisas que falamos da boca para fora, acho que nunca acreditaram que eu fosse conseguir me virar sozinha. Precisei ir mostrando que era isso que eu realmente queria e que só assim poderia realizar o sonho da minha vida. Eles me apoiaram muito!

No dia do teste eu estava MUITO nervosa. Mas comigo acontece algo diferente quando o nervosismo vem, quando entro para fazer a cena ou piso no palco, esse nervoso vira energia e acaba me ajudando demais! O teste é divido em duas etapas – improviso e cena para tv, onde você também improvisa. Na primeira etapa o improviso é em dupla, meu tema era uma garota nova que descobre a gravidez e tem muito medo de contar ao namorado, mas a grande questão é que eles separam você da sua dupla e você tem que subir no palco já improvisando, sem saber o que a outra pessoa esta pensando em fazer, mas vocês acabam atuando juntos. Na segunda etapa, você entra numa sala cheia de câmeras e com a banca – formada por professores e pelo próprio Wolf Maya – é preciso improvisar um monólogo de frente para a câmera e só parar quando eles [a banca] quiserem. Só me lembro que fiz uma filha que brigou com a mãe, mais nada!

 ana_finkler

Quase morri de ansiedade esperando pelo resultado, mesmo tendo demorado menos de uma semana. Quando vi meu nome na lista gritei, chorei que nem uma louca! Me lembro de pensar “é muito bom pra ser verdade, eu vou ter a vida que sempre quis!” Mais cinco pessoas que eu conhecia haviam feito o teste e só uma, além de mim, passou!

Depois disso, tudo aconteceu muito rápido: o resultado saiu no dia doze, dia dezessete já estava morando no Rio! Mas, para ser sincera, no fundo no fundo, tinha dúvidas se conseguiria me virar sozinha; vim para uma cidade onde não conhecia praticamente ninguém, mas consegui lidar super bem com isso. Percebi que nasci para morar sozinha! Até aprendi a lavar louça! Me preparei por muito tempo para viver isso. Eu li uma vez que quando você se muda de uma cidade pequena para uma cidade grande, depois de um mês, a maioria das coisas perdem a graça… ainda tô esperando, viu? Já se passaram dois meses!

ana+finkler

Me sinto realizada, viva, feliz! Não tenho planos concretos, essa é uma carreira do tipo “nunca se sabe o que eu vou estar fazendo ano que vem”, mas pretendo me tornar uma artista completa e continuar fazendo o que amo, sempre!

Se você tem um sonho parecido com o meu – quem sabe até o mesmo! – o meu conselho principal é se preparar desde sempre. Eu estou aguentando essa mudança drástica na minha vida sem nenhum problema por dois motivos:

  • 1. Por amar a profissão que escolhi.
  • 2. Por ter me preparado mentalmente antes!

Saiba que obstáculos vão existir e você tem que estar preparada para isso, “exija muito de si e pouco dos outros”.

ana+finkler

Uau! Que história incrível, né?

O que mais acharam legal na história da Ana? Me contem!

  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus
  • Blogger
  • Tumblr
  • Pinterest
  • Orkut
  • Reddit
  • Delicious
  • LinkedIn
  • Add to favorites
  • PDF
  • Print
  • Email
  • RSS

Como fazer uma bucket list

bucket_list

Você já deve ter ouvido falar da bucket list. Já fizeram vários filmes sobre isso e nos Estados Unidos é super comum ter uma. Mas, afinal o que é – ao certo – uma bucket list e como fazer a sua?

Bom, bucket list nada mais é do que uma lista de coisas que você quer fazer antes de morrer. Por mais mórbido que possa parecer a primeira vista, acho que é um super instrumento se você (como eu) é do time de quem quer viver uma vida incrível, única, extraordinária, digna de cinema.

Assim como criar metas, uma lista dessas nos ajuda a ter foco e claridade sobre o que queremos, objetivamente, fazer com a nossa vida. Sem essa lista você corre o risco de ficar adiando seus sonhos e vontades (“quando eu tiver dinheiro para isso”, “quando eu tiver emagrecido”, “quando eu achar um namorado”) e esse joguinho acaba adiando a sua felicidade também. Você não vai ser feliz quando conseguir algo, felicidade precisa vir de dentro! Reconheça o quanto você já é feliz agora!

♥ Se quiser saber mais sobre esse assunto, dá uma olhada nesse post aqui 

Quando se tem uma lista clara e objetiva, é muito mais fácil continuar focado e super disposto a lutar pelo o que é importante para você. Acho que essa lista é uma das ferramentas principais para conseguir viver a sua vida no potencial máximo. A vida passa muito rápido para deixarmos nossos sonhos soltos, depende da gente fazer cada segundo contar. Com a lista dá para maximizar cada momento da sua existência, ela é um lembrete de todas as coisas que você quer conquistar. Te ajuda a se prevenir da perca de tempo, atividades sem sentido, tédio e medo de viver uma vida mais ou menos. Parece muito incrível, né? E é!

Agora mãos na massa! Se já tem mil e uma ideias e sonhos para colocar no papel, coloque já! Mas se deu uma travada (ou você quer incrementar o que já tem), comece respondendo essas perguntas – não pense muito! Nem julgue suas respostas, essa lista é para ser divertida, não certinha:

  • 1. Se você ganhasse na loteria, e tivesse uma quantia infinita de dinheiro, o que você faria com o seu dia?
  • 2. Se você fosse morrer hoje, que arrependimentos teria?
  • 3. Qual é a coisa que você sempre quis aprender?
  • 4. Qual o lugar que você sempre quis conhecer?
  • 5. O que você sempre quis fazer, mas nunca consegue?
  • 6. Quais os seus maiores sonhos e metas?
  • 7. Como imagina a sua vida daqui a cinco anos?
  • 8. Do que você morre de vontade mas tem vergonha de admitir?
  • 9. Se pudesse fazer uma coisa pelo restante da sua vida, o que seria?
  • 10. Feche os seus olhos, qual é a primeira coisa que vem na sua mente?

A única regra aqui é ser verdadeiro com você mesmo e responder o que tiver vontade! 

E aí, animada para viver uma vida incrível? 

Ps: Algumas coisas que estão na minha lista: tomar gelatto na Itália, passar um tempo morando em outro país, aprender muay thai (e ser boa nisso).

Agora quero saber ao menos UM item da sua lista! Me conta?

  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus
  • Blogger
  • Tumblr
  • Pinterest
  • Orkut
  • Reddit
  • Delicious
  • LinkedIn
  • Add to favorites
  • PDF
  • Print
  • Email
  • RSS

-------------------------------------

-------------------------------------

-------------------------------------